Connect with us

Galpão Caipira: um lugar apaixonante no Vale das Videiras

Hospedagem

Galpão Caipira: um lugar apaixonante no Vale das Videiras

O Galpão Caipira é o coração do Vale das Videiras e você já vai entender por que esse lugar é tão especial para a região e por que merece a sua visita. É difícil definir o que é o Galpão Caipira, já que ele é muitas coisas e todas muito relevantes, por isso, qualquer tentativa de definição deixaria a desejar. Para explicarmos da forma mais completa o que é o Galpão, preparamos uma listinha com tudo o que ele oferece.

1. Aluguel e passeios de bikes pela região

O amor pela bike faz parte da identidade do Galpão Caipira e não existe melhor forma de conhecer o Vale das Videiras senão pedalando. Você pode alugar uma bike e explorar por conta própria — o que é super tranquilo já que eles têm circuitos por cores e níveis de dificuldade sinalizados ao longo das pistas e no mapa da região — ou. se preferir, pode contar com a ajuda de um guia, que acompanha o trajeto, orienta sobre os níveis de dificuldade, percursos e paradas como cachoeiras e poços.

Inicialmente achamos que não teríamos preparo físico para fazer as trilhas, então íamos apenas alugar as bikes, passear por ali pertinho e conhecer um pouco mais das redondezas. Mas, no fim das contas, achamos tão legal a proposta e estrutura das trilhas do Galpão que optamos encarara a aventura. Escolhemos a mais curta – com 4km – , que vai até um poço para mergulho. O trajeto é quase todo pelo asfalto, porém, tem uma parte um pouco mais íngreme que sofremos um pouco para subir, mas nada impossível. Após quase 40 min pedalando, chegamos em uma ponte, onde deixamos a bike e seguimos uma pequena trilha de 5 minutos até o poço escondido. Cercado por vegetação, o poço é uma piscina natural cristalina que valeu a pena cada pedalada!

 

2. Massagem relaxante

Um pouco mais cedo, quando ainda estávamos tomando café, observamos um casal que tinha acabado de voltar da pedalada e foram fazer uma massagem. Achamos interessante e contratamos uma para quando voltássemos da nossa aventura. Chegando do passeio de bike, fomos aos vestiários — que são super bem equipados com chuveiros fortes, shampoo, secador e tudo o que você precisa para relaxar após o exercício —,  tomamos uma ducha rápida e fomos para a massagem.

Se existe combinação mais perfeita ainda não descobrimos! O bem estar de fazer exercício, a refrescância e paz do poço secreto mais a massagem relaxante é sem dúvidas um combo que vale a pena!

 

3. Restaurante

O Galpão Caipira também é um excelente restaurante que mesmo que você não curta pedalar ou não tenha um dia inteiro para passear por lá, vale a pena visitar!

O cardápio oferece desde opções tradicionais que tem tudo a ver com o conceito do Galpão, como o picadinho com farofa e fritas a opções mais leves e sofisticadas como filet de truta da região e steak de tartare.

Além disso, os combos de café da manhã são sensacionais! Mas a gente vai falar mais sobre isso daqui a pouco.

4. A Localização privilegiada

Como falamos logo no início dessa matéria, o Galpão é o coração do Vale! Ele fica bem no pequeno e super charmoso centrinho, em frente ao coreto, por onde todos passam e se cumprimentam. Imagine um lugar que tem um mercadinho — que vende de tudo —, uma lanchonete, um bar, uma igrejinha. Tudo um de cada. Pelas ruas passam carros, cavalos, cachorros e crianças. Aos sábados à noite tem sessão de cinema gratuita, na pequena e também única sala de cinema da região. De vez em quando a comunidade se reúne no anfiteatro da associação de moradores (AMA Vale) para shows ou para a tradicional festa junina.

Em meio a esse clima de simplicidade, também encontram-se algumas deliciosas opções gastronômicos, como a pizza do restaurante Nas Videiras, eleita em 2018 no concurso que reuniu mais de 200 pizzaiolos em São Paulo como uma das 10 melhores do país. E o melhor é que tudo fica ali, bem no centrinho e dá para conhecer tudo a pé.

5. Suítes Caipira: possibilidade de dormir no Vale

Mesmo para os petropolitanos a ida até o Vale pode ser considerada uma pequena viagem, já que o trajeto do Centro Histórico até a região leva cerca de 1h. Portanto, como sabíamos que a região tinha muito a oferecer e não queríamos fazer nada com pressa, optamos por passar uma noite em uma das Suítes Caipira, hospedagem do Galpão Caipira, e se você também tiver a oportunidade não vai se arrepender.

Os quartos são espaçosos, rústicos, super limpos e bem equipados. As suítes ficam bem em frente ao Galpão, onde o café da manhã é servido. Você escolhe um dos combos disponíveis e aproveita a refeição mais importante do dia ouvindo os passarinhos. No combo que escolhemos veio suco de laranja, uma bebida quente, baguete na manteiga, requeijão, geleia, iogurte, cereais e mais! Mesmo que você não se hospede no Vale, vale a pena visitar o Galpão um pouquinho mais cedo pra tomar esse café!

6. A vista mais linda do Vale

Chegamos no Vale no sábado, às 15h, nos acomodamos na nossa suíte e exploramos um pouquinho do centrinho até o entardecer, quando um carro do Galpão nos levou para ver o pôr do sol nesse paraíso. O local é privado e somente é possível ter acesso se solicitado no momento da reserva para a equipe do Galpão. Nenhuma taxa é cobrada, basta estar hospedado e fazer a sua reserva. Somos petropolitanas, nascidas e criadas e nunca tínhamos visto uma imensidão de verde tão maravilhosa quanto essa. Fica a dica para quem está procurando viver experiências especiais na cidade!

7. Produtos do Vale

O Galpão também reúne diversos produtos artesanais feitos por pequenos e médios empresários do Vale das Videiras, Araras e arredores. Eles também têm um grande acervo de peças de decoração que traduzem o conceito caipira chique, que é a proposta deles.

Informações úteis (2019):

*O aluguel das bikes importadas custa R$50/a primeira hora e R$30/hora adicional (caso haja) e o guia acompanhando o trajeto (opcional) custa a artir de  R$80 (dependendo do trajeto).

*Há opções de massagem relaxante a partir de: R$80

*A hospedagem de 2 noites para casal na Suíte Caipira: R$700. Ou 1 noite por R$450.

*O almoço no restaurante do Galpão ficam em torno de R$45. O picadinho que comemos, e amamos, custou R$36.

*A visita ao local com a vista do Vale é gratuita para hóspedes.

Essa matéria foi feita em parceria e com o patrocínio do Galpão Caipira
visitar Galpão Caipira Galpão Caipira no instagram
Continue Reading

Você também vai gostar

Subir